Gravidez, Maternidade

Checklist do que levar na mala da maternidade

Então é isso!

Mais um bebê a caminho, mais uma ida a maternidade.

E embora eu já tenha passado por isso uma vez, me senti completamente perdida na hora de começar a separar os itens que irão na nossa bolsa de maternidade.

Por isso, passei alguns dias pesquisando, puxando flashes na memória, e enfim, montei a listinha para ter como base.

Obs: Algumas maternidades disponibilizam várias coisas e têm várias regras, por isso é importante checar anteriormente o que eles indicam. (Já vi casos do local não permitir pijamas, pois as mães utilizam as camisolas do hospital). Mas basicamente, estes são os itens-chave (levando em consideração um internamento de 48h):

PARA O BEBÊ

  • 4 conjuntos adequados para a estação
    Estações frias: Macacões quentinhos + conjuntos de mijão + body para colocar por baixo
    Estações quentes: Macacões fresquinhos (de algodão) e conjuntos de mijão + body fresquinhos também
  • 4 pares de meias e luvinhas
  • 2 toucas para os dias frios (ou 1 de algodão para os períodos mais quentes. Apenas para proteger a cabeça do bebê do vento)
  • 2 cueiros
  • 1 coberta mais quente para os dias frios
  • Toalha de banho apropriada para o bebê (normalmente são mais macias)
  • 2 Fraldinhas de boca
  • 1 pacote de lenço umedecido especial para recém nascido (é importante que seja específico pois a pele dos bebês é muito sensível. E esta é uma ótima forma de evitar alergias e irritações já no início)
  • 1 pacote de fraldas tamanho RN (no mínimo 20 unidades)
  • 1 pomada para prevenção contra assaduras
  • 1 shampoo + sabonete ou sabonete líquido da cabeça aos pés (também específico para recém nascidos, por conter a fórmula mais suave)
  • Chupeta, caso opte por oferecer (mesmo que seja uma escolha da família, ainda é um item que pode ser ofertado em casa. Chega a ser até mais seguro, pois você pode ferver/higienizar melhor lá, do que no hospital)
  • Brinco de ouro para primeiro furo, caso queira que a bebê use (algumas maternidades disponibilizam a colocação das joias, mas não são todas – e nem são obrigadas)
  • Lembrancinhas (caso tenha providenciado)
  • Porta maternidade (caso o local permita)

Leia também: Produtos de higiene infantil que são ótimos, mas ninguém te conta

PARA A MÃE

  • 1 muda de roupa para sair da maternidade (lembre-se de escolher o look ciente que sua barriga ainda estará bem inchada, mas também não estará mais TÃO grande como quando você deu entrada na maternidade).
    Prefira conforto, pois as mudanças físicas (e mentais) são bruscas.
  • 2 pijamas com facilitadores para amamentação (botões)
    Muito provável que você passe as 48h de internamento usando somente isso.
  • 1 chinelo de borracha para o banho
  • 1 pantufa ou chinelo quentinho, caso esteja frio
  • Roupão (especialmente se estiver frio. Usei muito no nascimento da Bellinha e já separei o meu para os primeiros dias com a Luísa)
  • 2 meias – caso você sinta muito frio nos pés
  • 4 calcinhas, de preferência específicas para o pós parto
  • 2 sutiãs para amamentação
  • Cinta de pós parto (caso seu médico tenha indicado)
  • 1 toalha (caso o hospital não disponibilize)
  • Concha de amamentação, caso você tenha comprado e deseje usar (eu super indico e já garanti a minha – leia mais sobre AQUI)
  • Absorvente para os seios, caso você não se adapte à concha (ou nem queira tentar)
  • 1 pacote de absorvente de pós parto (ou os modelos para fluxo intenso)
  • Produtos de higiene e beleza, como:
    – Shampoo
    – Condicionador
    – Sabonete
    – Escova e pasta de dentes
    – Escova de pentear e elástico para prender o cabelo
    – Sua bolsinha com as maquiagens do dia a dia (vai que você sinta vontade de dar um up na cara, neh?!)
    – Desodorante (de preferência sem perfume)
    – E caso sinta muita necessidade de se perfumar, você pode optar pelos cheirinhos de bebê (o tradicional Mamãe Bebê, da Natura).
  • Se você usa lentes de contato, lembre-se de pegar a caixinha e o líquido para limpeza.
  • Carregador para celular
  • Documentos obrigatórios (RG; CPF; Carteirinha do convênio, caso tenha; Carteirinha do SUS, caso tenha; Carteirinha de gestante; Carteirinha de vacinas)

ITEM INDISPENSÁVEL: Bebê conforto! A maioria das maternidades (se não, todas), só liberam o bebê com a existência de um bebê conforto para o transporte. Questão de segurança, e lei de trânsito, claro.

PARA O ACOMPANHANTE

Lembre seu/sua acompanhante de levar uma bolsa com seus pertences pessoais e de higiene. E também mudas de roupa para os dias de internamento. (Além dos documentos, claro)

Vale reforçar que é LEI que toda a parturiente tem o direito à presença de acompanhante durante o trabalho de parto, parto e pós-parto imediato (LEI Nº 11.108, DE 7 DE ABRIL DE 2005)

Quando devo arrumar a mala?

O ideal é começar a organizar tudo por volta da 33ª semana. Assim você tem tempo para providenciar o que falta, até chegar o grande dia.

Aproveite e leia também: 8 coisas para fazer nos últimos dias de gravidez

E: 3 situações nojentas do pós-parto, que você precisa saber que acontecem

Um beijo,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *