Textos Gravidicas

Como é ter duas filhas?

Vira e mexe alguém me pergunta como é ter mais uma filha…
Eu poderia responder de cara que é louco, intenso e corrido. Mas a única coisa que me vem a mente é leveza.
Incrível como maternar de novo tem sido leve.
A gente não encrenca com coisas desnecessárias, curte as fases com mais tranquilidade e se entrega de corpo e alma pras dificuldades… Porque a gente sabe melhor do que ninguem, que aquilo vai passar.
Luísa é uma bebê que pôs a prova todo o meu equilíbrio… Do parto eufórico ao malabarismo diário pra dar colo e acalentar uma a mais.
Foi difícil e fácil num curto espaço de tempo.
Um misto de “Eu sei o que estou fazendo” com um “Não acredito que nunca tinha passado por isso antes”.
Ter mais uma filha é ter plena certeza que não existem pessoas iguais, por mais parecidas que sejam. Cada uma das meninas veio pra me ensinar, preencher e incentivar de maneiras diferentes.
Ter a Luísa foi pura liberdade pras minhas neuras e medos… É mais gostoso (mas não menos desafiador) viver isso a segunda vez, porque eu sinto que agora sim eu VIVO a maternidade… Sou mãe das duas, mas me sinto uma mulher diferente agora. Se a primeira já me trouxe a sensação que me faltaria peito pra tanto amor, agora nem expandindo o céu pra dar conta desse sentimento.
Uma nunca foi pouco. Mas que 2 é ainda melhor, ah, isso é.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *