Hey você, que tem um bebê pequeno e está a ponto de explodir…

Hey você! Que tem um bebê pequeno e está a ponto de explodir:

Respire fundo. Deixe as lágrimas rolarem se elas insistem em cair.

O que eu vou te dizer agora não é romantizar a maternidade, porque eu não vou lhe esconder nada, tá?!

Essa fase aí cansa mesmo. Tem momentos em que a gente pensa em jogar tudo pro alto (só não joga porque lembra que somos nós mesmas que teremos que juntar). Tem dias em que só dá vontade de chorar. Tem horas em que falta até o ar, e…

Isso é real!

Mas passa.

Enquanto estamos vivemos a bagunça do furacão, dá a impressão que não sobreviveremos sem grandes sequelas. E de repente… PUF… Passou!
E sabe porque as outras mães insistem em dizer que você vai sentir saudade de tudo isso?

Porque por mais exaustivo que tenha sido o começo, as únicas coisas que sua mente irá gravar com detalhes são as melhores partes: O cheirinho de bebê novo… A textura da pele… O barulho dos goles durante a mamada da madrugada.

A parte ruim a gente pode até lembrar também, mas é como ferida cicatrizada que deixou apenas marcas de superação. Dessa parte difícil você pode até não sentir saudades, mas vai amadurecer o suficiente para entender que elas precisaram acontecer. E por isso, te fizeram ainda mais forte.

Ah, você fica mais forte mesmo, tá?! Até porque, a maternidade não fica mais fácil não…
Só que o aprendizado é tão grande e tão constante, que a gente se assusta menos e passa a viver com mais leveza.
A carga não diminui, mas nossos ombros passam a suportar o peso sem tanto sofrimento.

A maternidade tem seu período de adaptação, e essa parte pode doer. E você pode chorar, só não pode esquecer que a calmaria chega logo, em forma de sorriso frouxo e olhares brilhantes do seu pequeno ser.
Por isso, é preciso viver essa dor para sentir na pele o poder do amor:
Ele cura, ele ameniza, e é ele que te salva do comum e te leva pro insano… Pra loucura de um sentimento inabalável que mal cabe no peito.

Um beijo,

 

 

 

5 Replies to “Hey você, que tem um bebê pequeno e está a ponto de explodir…

  1. Ste, esses teus textos são super importantes principalmente pra quem ainda não tem filhos. Eu com certeza me sinto um pouco mais preparada pro que pode acontecer comigo hahahaha

    Obrigada <3

  2. Eu imagino como deve ser exaustivo Ste, e ao mesmo tempo, acredito que o que imagino não é nem o começo!
    Minha mãe sempre diz que só ficam as boas lembranças também, lembro que uma vez ela disse ”seu parto foi a coisa mais dolorosa que senti, mas me trouxe você, então eu esqueço quando te vejo”. Acredito que esse seja o sentimento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *