Dicas

Vale a pena ir à feira da madrugada em SP para fazer compras?

Ha duas semanas eu decidi aproveitar as férias e fazer uma excursão para a Feira da Madrugada, em SP.

Se você já mora na cidade, talvez os preços não soem tão diferenciados. Mas o que eu encontrei por lá, comparado aos valores aplicados aqui em Curitiba/PR, me deixaram boquiaberta.

E é claro que eu não deixaria de compartilhar um pouco mais da minha experiência com vocês, né?!

A começar pela viagem: Normalmente o que se aplica por aqui é o seguinte:
O ônibus sai entre 19:00 e 20:00 de Curitiba, e chega por volta das 3h da madrugada. Bem na hora em que os feirantes começam a abrir.

Você passa a madrugada comprando na própria feira (que é um espaço “fechado” com várias barraquinhas), ou também nas ruas ao redor com os ambulantes.

Os ônibus retornam por volta das 13:00, ou seja: são 10 horas para vasculhar tudo. E acredite: Ainda parece que falta tempo.

Na parte da manhã, os shoppings abrem (normalmente por volta das 7:00/8:00) e aí temos mais opções para comprar. Dá também para pegar um taxi e ir até 25 de março, por exemplo. Mas tudo depende do que você procura.

Para roupas e acessórios, circular apenas pela região do Brás, já é o suficiente. E foi por lá que nós ficamos (fui com a mamãe e a vovó).

O custo médio dessas excursões é de R$ 170,00 em ônibus leito, com wi-fi, escolta armada e água. Mas nós conseguimos uma promoção em que tudo isso, saiu por apenas R$ 100,00 por pessoa (Contato).

Agora vamos ao que interessa:

VALE A PENA?

Sim! Vale, e muito. Mas é claro: Você não pode ir com expectativa de comprar roupas de marca ou de qualidade excelente.
São peças daquelas para a criança brincar, sujar e você não ficar tremendo por dentro pelo valor que ela custou.

Gravei um vídeo mostrando o que comprei para a Bellinha com apenas R$ 100,00. Roupinhas e acessórios que saíram (em comparação aos valores que encontro aqui em Curitiba), no mínimo a metade do preço.

Olha só:

Também achei super em conta para comprar vestidos de festa para as crianças. As peças que encontrei por lá (lindíssimas, aliás) custavam em média R$ 70,00 apenas. Coisas que já vi a venda por R$ 300,00!
(Obs: Mas a maioria dos vestidos vestem crianças de até 3 anos. Não encontrei muita coisa para meninas maiores nesse estilo – mas ainda assim, tem!)

Queria ter tirado foto de tantas coisas que encontrei por lá, mas como a região é um pouco perigosa, evitei de ficar com o celular na mão.

Falando nisso, aqui vão algumas dicas de segurança:

  • Evite usar cartões, tanto débito quanto crédito, pois ha muitos casos de clonagem. Sem contar que muitos lugares não aceitam.
  • LEVE O DINHEIRO EM UMA POCHETE, POR DENTRO DA CALÇA. E deixe algumas notas espalhadas por outros bolsos, para não precisar ficar abrindo a “fonte” da grana a todo momento.
  • Não dê bobeira com o celular. Aliás, se puder levar um bem simples, apenas para receber e fazer ligações, leve.
  • Cuidado ao comprar itens de tecnologia: Se quiser comprar algo como celular, tablet, ou até mesmo pendrives, faça em lojas. Esse tipo de compra com ambulantes pode lhe causar pequenas (ou grandes) frustrações.

Logo mostro mais do que comprei por lá! 🙂

Um beijo,

1 thought on “Vale a pena ir à feira da madrugada em SP para fazer compras?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *